Home

Hélder elegerá novo presidente da ALEPA com folga

Publicado por Reinaldo Araújo em 31/10/2018 às 15h26

De acordo com o Bacana News, os nomes mais cotados para assumir a presidência da Assembleia Legislativa do Estado do Pará (ALEPA), a partir de 1º de janeiro de 2019, são os emedebistas Iran Lima e Chicão.

ALEPA

Como publicamos na edição anterior desse blog, Hélder Barbalho (MDB) deverá se rodear de pessoas de confiança e políticos com mais experiência para poder apontar os rumos que deverá tomar a frente do governo do Estado, isso não será diferente a nível do legislativo, onde passarão vários projetos de leis do governo.

Para a eleição da ALEPA, Iran Lima é um dos cotados, foi prefeito de Moju por duas vezes, e foi da Secretaria de Fazenda é o atual líder da bancada do MDB.

DEP1

Deputado Estadual Iran Lima

Já Chicão, outro cotado, além de sua experiência política e administrativa, é de Ananindeua, onde Hélder Barbalho obteve 139.837 votos (59,69%), e pode ser a preferência do governador eleito.

DEP2

Deputado Estadual Chicão

Também de Ananindeua, o Dr. Daniel (PSDB), o deputado estadual mais votado no Pará, que ajudou muito Hélder Barbalho em sua jornada do 2º turno, a garantir e ampliar os votos em Ananindeua deverá ter um espaço de destaque no governo.

Para eleger o presidente da ALEPA, Helder Barbalho, deve ter o apoio da maioria dos deputados que vão integrar a Assembleia Legislativa do Estado a partir de 2019, segundo levantamento do G1 Pará, o governador eleito deve contar com 26 dos 41 deputados eleitos.

Comentários (0)

Carlos Maneschy pode ser o homem da Educação de Hélder

Publicado por Reinaldo Araújo em 30/10/2018 às 09h40

“A partir de agora eleito vamos procurar os melhores técnicos e quadros para formar o governo...”

Hélder Barbalho - Governador Eleito

PODER 1

O novo governo do Estado começa o processo da transição política administrativa e o advogado Parsifal de Jesus Pontes, diretor-presidente licenciado da Companhia das Docas do Pará, é uma carta na manga de Hélder Barbalho para todas as missões. Presente na coordenação de campanha, homem de confiança do governador eleito, o ex-prefeito de Tucuruí, Parsival Pontes será o responsável pelo diálogo com o atual governo durante a transição, portanto, o homem forte de Hélder .

Essa semana o governador eleito já fez algumas declarações e entre elas podemos destacar a formação do secretariado onde Hélder afirma que “a partir de agora eleito vamos procurar os melhores técnicos e quadros para formar o governo”. Então, além da confiança, quais seriam os critérios básicos para a formação de seu secretariado?

Nessa questão, para ajudar as possíveis indicações do governador eleito eu lembraria o nome do professor Carlos Maneschy, ex-reitor da UFPA, como seu indicado para Secretaria de Estado de Educação. Maneschy é filiado ao MDB, foi candidato a prefeito de Belém e a deputado estadual, sem êxito, mas sem dúvida seria o nome que preenche os critérios: amigo, político é técnico, além de  transitar em todos os meios acadêmicos.

Continuaremos acompanhando a formação do secretariado e tecendo alguns comentários sobre cada indicação do governador eleito.

Comentários (2)

left show fwB tsN b01s bsd|left tsN fwB|left show fwB tsN|bnull|||news login uppercase c05 b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 c05 bsd|tsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase|content-inner||