Ibope consolida a transferência de votos. E ainda tem mais...

Publicado por Reinaldo Araújo em 25/09/2018 às 07h50

Rede Globo fica sem graça e elites não entendem que a democracia emana do Povo.

PE1

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Opinião e Pesquisa (Ibope), divulgada pela Rede Globo nessa segunda-feira (24/09) confirma o que todos sabiam: Fernando Haddad não para de crescer.

Fernando Haddad se tornou candidato a presidente pelo PT, depois de decisão do Diretória Nacional de substituir Luís Inácio Lula da Silva, pois esse cumpri sentença em segunda instância na carceragem da Polícia Federal em Curitiba.

PE2

Fernando Haddad é advogado e doutor em Filosofia, foi ministro da Educação de Lula por sete anos e prefeito da cidade de São Paulo. Sua vice é a gaúcha Manuela d’Ávila, que atualmente cumpri o mandato de deputado estadual do Rio Grande do Sul pelo PCdoB.

Esticando a corda

Para quem não acreditou que Lula pudesse transferir seus votos para Haddad, se lascou. A chapa agora está com todo o vigor e corre para o abraço dos eleitores petistas e lulistas, que não são poucos.

Rejeição 

A rejeição do candidato do PSL cresceu 9 pontos percentuais desde o dia 20/08, quando ela chegou a 37%, hoje tem 47%. A rejeição de Bolsonaro caiu para 41% no período de atentando a faca que o levou ao hospital, mais voltou a crescer.

PE3

Voto útil de Direita

Desesperadamente Geraldo Alckmin fica destilando sua angústia atacando Haddad e o PT e Bolsonaro tentado tirar algum voto. Alckmin e o PSDB patinam na própria lama que Aécio Neves emporcalhou o Brasil.

É fácil agora Tasso Jereissati vir em público pedir “desculpas”, mas pelo menos tiveram honradez ou cara de pau para isso. Eu quero ver a Globo e a Fiesp pedirem desculpas por todo o mal que fizeram ao Brasil também.

Voto útil de esquerda

Ciro Gomes que mantém seu percentual de 10% das pesquisas, continua firme na sua candidatura. Ciro arregimenta muitos votos do nordeste e vinha recebendo muitas adesões dos chamados “Lulistas”, eleitores que não são petistas, mas que votam incondicionalmente em Lula, que vendo a proximidade do primeiro turno, e até antão o PT não havia se definido, apostaram em Ciro Gomes.

Ciro Gomes é histórico aliado de Lula, mas tentou forçar a barra tentando ser o candidato de Lula e foi freado. É um candidato firme, com projetos para o Brasil.

O ideal era ter Haddad e Ciro no 2º Turno

Simulação de 2º Turno no Ibope

PE4

Em 20/08, se o segundo turno ocorresse naquele dia haveria empate técnico entre Haddad  (36% a 37%) e Bolsonaro. Em 11/09, Bolsonaro ganharia a eleição com 40% de vantagem contra 36% de Haddad. Em 18/09, mais uma vez haveria empate técnico, 40% a 40%. Mas se o 2º Tuno das eleições ocorressem hoje, Fernando Haddad venceria Bolsonaro por 43% a 37%.

Enviar comentário

voltar para Home

left show fwB tsN b01s bsd|left tsN fwB|left show fwB tsN|bnull|||news login uppercase c05 b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 c05 bsd|tsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase|content-inner||