Márcio Miranda surpreende em pesquisa do Instituto Doxa

Publicado por Reinaldo Araujo em 08/12/2017 às 16h07

Hélder se mantém com 30%, Márcio Miranda sobe 12,2% em novembro e indecisos somam 40,2%

QU1

 

Doxa nas Eleições Municipais de 2016

Fundado em 1996, o Doxa é um Instituto de pesquisa de Minas Gerais e já participou intensamente de pesquisas eleitorais de 2016 no Estado do Pará. Segundo Carlos Mendes (www.ver-o-fato.com.br), “fazendo um balanço geral, a Doxa realizou 138 pesquisas em 60 municípios do Estado do Pará. Desses 60 municípios em que foram registradas as pesquisas, 85,0% ficaram dentro da margem de erro”, isto é, se aproximaram do resultado das urnas. 

Ressalte-se que a Doxa fez pesquisas para 12 partidos, distribuídos nos 60 municípios pesquisados. O PMDB foi o partido que mais contratou os serviços da Doxa, 25% do total dos 60 municípios. Depois veio o PSDB, 20,0%. 

O PSD e o PT ficaram em terceiro lugar como os partidos que mais consumiram os serviços de pesquisa da Doxa, ambos com 10,0%. Os demais partidos que contrataram as pesquisas Doxa foram PROS, PTB, PSC, PSB, PR, PPS, PDT E DEM.

Pesquisa recente coloca Hélder estagnado em 30%, mas na frente

Terceira pesquisa eleitoral de abrangência estadual realizada este ano pelo Instituto Doxa, revela que o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB) mantém a liderança na preferência do eleitor paraense, seguido pelo deputado estadual e presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Pará, Márcio Miranda (DEM). 

A comparação das três pesquisas é fundamental para analisar o atual cenário, sobretudo em relação aos nomes que se apresentam como os principais pré-candidatos ao governo.
A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 29 de Novembro e contou com 1.985 entrevistas, com a Margem de Erro de 3,5% e o Intervalo de Segurança de 95%.        
Outro dado que merece atenção é o fato de 64,5% de a população paraense dizer que não votaria de jeito nenhum em um candidato citado na Lava Jato.

Vejam os números da comparação entre as últimas três pesquisas da Doxa:

INTENÇÃO DE VOTOS PARA GOVERNADOR DO PARÁ

Se a eleição fosse hoje, em quem você votaria para governador do Pará (Estimulada)?

Sendo Helder Barbalho o candidato do PMDB, Márcio Miranda tendo sido indicado como o candidato da base do governador Jatene e os demais do campo mais à “esquerda”, Helder fica com 30,1%, contra 12,2% de Márcio Miranda e 8,7 de Edmilson Rodrigues. O índice de indecisos é de 40,2%.

COMPARATIVO ENTRE A INTENÇÃO DE VOTO EM HELDER BARBALHO E MÁRCIO MIRANDA

QU2

Se a eleição fosse hoje, em quem você votaria para governador do Pará (Estimulada)?

Na intenção de votos para governador, percebe-se que o candidato mais citado pelos entrevistados continua sendo Helder Barbalho, porém ele estancou na margem dos 30 pontos percentuais, seguido por Márcio Miranda que vem tendo um crescimento surpreendente, se compararmos as pesquisas de Maio com a de Novembro.

QU3

ÍNDICE DE REJEIÇÃO ENTRE OS PRINCIPAIS PRÉ-CANDIDATOS AO GOVERNO DO ESTADO:

Se a eleição fosse hoje em quem você NÃO votaria  para Governador em 2018?

Na linha histórica de rejeição de pré-candidatos, Helder Barbalho mantém-se o mais rejeitado, chegando em novembro com 20,1%. Edmilson Rodrigues tem a segunda maior rejeição, seguido de Úrsula Vidal, colada com Paulo Rocha. Márcio Miranda teve uma pequena subida em sua rejeição, mas mantém-se como o menos rejeitado.

Q4

APROVA OU DESAPROVA A OPERAÇÃO LAVA JATO?

Em relação à operação Lava jato, que está investigando casos de corrupção envolvendo políticos e empresários no Brasil, você a aprova ou desaprova? 

A pesquisa mostra que mais de 80% dos paraenses aprovam a operação Lava Jato que está investigando casos de corrupção envolvendo políticos e empresários no Brasil. Apenas 8,7% desaprovam e 7,7% são indiferentes em relação à ela.

VOCÊ VOTARIA EM ALGUM CANDIDATO CITADO NA LAVA JATO?

Na hora de votar em algum candidato para qualquer cargo, você votaria em alguém que foi citado na operação Lava Jato?

O impacto da operação lava jato nas eleições 2018 foi medido nas três pesquisas, sendo que de acordo com os dados da última pesquisa, 64,5% dos paraenses não votariam em nenhum candidato que tenha sido citado na mesma. Apenas 5,7% votariam, enquanto 12,5% poderiam votar.

Enviar comentário

voltar para Home

left show fwB tsN b01s bsd|left tsN fwB|left show fwB tsN|bnull|||news login uppercase c05 b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 c05 bsd|tsN fwR uppercase b01 c05 bsd|fwR c05 uppercase|content-inner||